Introdução

No âmbito do paradigma Open Access, das temáticas associadas ao Acesso Livre à Produção Científica e em continuação com as actividades de divulgação da Semana Internacional Open Access de 24 a 28 de Outubro, a Divisão de Projectos e Informação e os Serviços de Informática da Universidade de Évora, promovem um workshop com o objectivo de dar a conhecer estas temáticas. Neste sentido serão realizadas sessões de informação com a colaboração de vários convidados da Universidade do Minho.

O público-alvo é docentes, investigadores e alunos de mestrado e doutoramento em processo de criação de teses.

As sessões são abertas e sem custo de inscrição no entanto pede-se aos interessados que realizem a sua inscrição neste site ou através de email para openaccess@uevora.pt de forma a optimizar a logística.

Programa

14:00 - 14:15 - Abertura da Sessão
Prof. Manuel Cancela D'Abreu - Vice-Reitor da Universidade de Évora para a Ciência e Cooperação
[download da apresentação]
14:15 - 14:45 - O Open Access ao serviço dos investigadores e das Universidades
Eloy Rodrigues (Universidade do Minho) [nota biográfica]
[download da apresentação]
14:45 - 15:15 - O Projecto RCAAP
José Carvalho (Universidade do Minho) [nota biográfica]
[download da apresentação]
15:15 - 15:45 - O Repositório Digital de Publicações Científicas da Universidade de Évora
Universidade de Évora
[download da apresentação]
15:45 - 16:15 - COFFEE BREAK
16:15 - 16:35 - OpenAIRE e o cumprimento do Projeto-piloto Open Access do 7º Programa Quadro e Orientações do Conselho Europeu de Investigação
Pedro Príncipe (Universidade do Minho) [nota biográfica]
[download da apresentação]
16:35 - 16:50 - A experiência da Universidade do Minho
Eloy Rodrigues (Universidade do Minho) [nota biográfica]
[download da apresentação]
16:50 - 17:20 - Discussão / Perguntas

Nota Biográfica

Director dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho, liderou, em 2003, a criação do RepositoriUM - o repositório institucional da Universidade de Minho. Desde Julho de 2008 lidera a equipa da Universidade do Minho que desenvolve o projecto Repositório Científico de Acesso Aberto de Portugal (www.rcaap.pt). Foi membro do grupo de trabalho sobre Open Access da EUA (European Universities Association) em representação do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas, e coordena a participação da Universidade do Minho em vários projectos financiados pelo 7º Programa Quadro da UE relacionados com os repositórios e o Open Access.

Nota Biográfica

José Carvalho é licenciado em Ensino de Português-Francês, especializado em recursos didácticos e pós-graduado em Sistema de Informação pela Universidade do Minho. Colaborou nos primeiros passos do RepositóriUM da Universidade do Minho e no projecto Bumerang, uma aplicação p2p para partilha de conhecimento. Foi colaborador do centro e-Learning da TecMinho como técnico pedagógico e gestor das tecnologias de apoio ao e-Learning e m-Learning. Esteve ainda envolvido na criação do repositório aberto de conteúdos educativos. Desde Julho de 2008 que integra o Gabinete de Projectos Open Access dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho e está afecto à gestão do projeto RCAAP e Necobelac.

Nota Biográfica

Colaborador dos Serviços de Documentação da Universidade do Minho, no gabinete de Projetos Open Access, depois de 10 anos na Universidade de Aveiro, primeiro como Técnico de Biblioteca e Documentação no Instituto Superior de Contabilidade e Administração da Universidade de Aveiro (ISCA-UA), onde também exerceu as funções de Gestor de Conteúdos Web do Instituto e colaborou em projetos e equipas de trabalho nos Serviços de Documentação da Universidade, tendo mais tarde integrado os Serviços de Comunicação, Imagem e Relações Públicas da Universidade de Aveiro como Gestor de Conteúdos do Portal UA. Licenciado em Novas Tecnologias da Comunicação da Universidade de Aveiro e com frequência da pós-graduação em Ciências da Informação e Documentação na Universidade Fernando Pessoa. Integra atualmente o Conselho Diretivo Nacional da Associação Portuguesa de Bibliotecários, Arquivistas e Documentalistas (BAD), e é formador na área das Tecnologias da Informação e Comunicação.